CONSTITUIÇÕES DA CONGREGAÇÃO DO SANTÍSSIMO REDENTOR

 

MISSÃO DA CONGREGAÇÃO DO SANTÍSSIMO REDENTOR NA IGREJA

1.      A Congregação do Santíssimo Redentor, fundada por Santo Afonso, é um instituto religioso de diversos ritos, missionário, clerical, de direito pontifício e isento, cuja finalidade é: “continuar o exemplo de Jesus Cristo Salvador, pregando aos pobres a Palavra de Deus, como disse Ele de si mesmo: Enviou-me para evangelizar os pobres”.

Dessa maneira, a Congregação participa do mandato da Igreja que, por ser sacramento universal de salvação, é, por natureza, missionária.

Isso a Congregação realiza atendendo, com dinamismo missionário, às urgências pastorais e se esforçando por evangelizar os homens mais abandonados, principalmente os pobres.

A Congregação continua o exemplo de Cristo pela vida apostólica que compreende, a um só tempo, a vida especialmente dedicada a Deus e a obra missionária dos Redentoristas.

2.   Para cumprir essa missão na Igreja, reúne a Congregação membros que, vivendo em comum, constituem um só corpo missionário que, consagrados pela profissão religiosa, a ela se dedicam organicamente, de acordo com o ministério próprio de cada um.

Levados pelo espírito apostólico, imbuídos do zelo do Fundador, fiéis à tradição cultivada pelos predecessores e atentos aos sinais dos tempos, todos os Redentoristas, como colaboradores, companheiros e ministros de Jesus Cristo na grande obra da Redenção,

— enviados para anunciar aos pobres a Palavra da salvação (Capítulo I),

— constituem uma comunidade apostólica (Capítulo II),

— consagrada de modo especial ao Senhor (Capítulo III),

— com a devida formação (Capítulo IV),

— e alicerçada em convenientes formas de governo (Capítulo V).